Uma tentativa de sequestro de um motorista de caminhão prancha na região de Sidrolândia terminou em tragédia na tarde de ontem(28), quando três criminosos, identificados como Alisson Carlos dos Santos Lima (Vulgo Pogotó) 25 anos, Kennedy Roberto Bezerra Gonçalves (vulgo Palhaço) 28 anos e Valdemir Francisco da Silva Barbosa (Vulgo Bigode) 24 anos, foram mortos em confronto com a polícia. 

Todos os envolvidos eram evadidos do sistema prisional e eram criminosos com passagens por roubo com emprego de arma de fogo e violência em suas vítimas.

O incidente teve início quando a Polícia Militar Rodoviária (PMR) recebeu uma chamada na sala de rádio do 8º Comando Independente da Polícia Militar (CIPM), informando sobre indivíduos em atitudes suspeitas observando propriedades e veículos na região. Os suspeitos estavam em um veículo próximo a uma ponte e solicitavam sinal de internet.
 
Ao receber essas informações, as autoridades deslocaram-se para a região e se depararam com um veículo guincho transportando um Vectra sobre a prancha. Ao se aproximarem, um dos criminosos sacou uma pistola, rendendo o motorista do caminhão. A polícia verbalizou para que o indivíduo largasse a arma e se entregasse, mas sem sucesso.

Em um momento tenso, o sequestrador disparou em direção à equipe policial, sendo prontamente neutralizado por um dos policiais. O criminoso foi ferido, desarmado e algemado. No entanto, dois suspeitos adicionais fugiram para uma área de mata, aparentemente armados.

O comandante da equipe decidiu encaminhar o patrulheiro com a vítima para um local seguro, onde poderiam pedir apoio de outras equipes policiais. Enquanto isso, a Força Tática do 8º CIPM foi acionada para realizar uma busca pelos suspeitos que fugiram.

Durante a incursão na mata, os dois criminosos restantes foram localizados, recusaram-se a obedecer à ordem de abordagem e dispararam contra os policiais. Em resposta, os agentes reagiram, resultando na queda dos suspeitos. Após serem desarmados, os criminosos foram algemados e encaminhados ao Hospital Elmiria Silvério Barbosa.

No hospital, o médico plantonista responsável pelo Pronto Socorro, declarou o óbito dos três indivíduos. Os oficiais do Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPMRV) e do 8º CIPM foram informados sobre os fatos, orientando que uma equipe permanecesse no local até o início dos trabalhos periciais.

Durante a investigação, foi constatado que a arma utilizada por um dos criminosos havia sido subtraída de um policial militar em serviço particular. 

O local foi preservado para a realização dos trabalhos periciais, e a Autoridade Policial está conduzindo as investigações para esclarecer os detalhes do incidente.