Um homem identificado como Gilberto González Acosta foi executado a tiros na frente da namorada em Pedro Juan Caballero, cidade vizinha a sul-mato grossense Ponta Porã, fronteira entre o Brasil e Paraguai, nesta quarta-feira (26).

Gilberto tomava tereré com a namorada, na frente da casa dela, no Bairro San Gerado, momento em que o autor desceu de um veículo Toyota preto com placas brasileiras, e, com uma arma em punho, atirou contra ele. Gilberto que estava sentado em uma cadeira, morreu no local.

O autor entrou no carro e fugiu logo após o crime. De acordo com a polícia paraguaia, Gilberto é ex-detento e cumpria pena no presídio por tráfico de drogas até a semana passada. A namorada dele disse à polícia que o visitava na cadeia, porém não sabia que ele recebia ameaças de morte.