Durante vistoria em uma propriedade rural do município de  Fátima do Sul, Policiais Militares Ambientais autuaram ontem (2) o dono do imóvel, localizado no município, por degradação ambiental em área de preservação permanente (APP) de nascentes. O infrator realizou a construção de drenos para canalizar água para o seu imóvel, sem autorização ambiental.

O Infrator (39), residente em Fátima do Sul, informou que a propriedade era herança do seu pai, que havia falecido recentemente e,  não possuía licença ambiental para as atividades, que foram paralisadas pelos Policiais. O homem foi multado administrativamente em R$ 5.000,00 e responderá por crime ambiental de degradação de área de preservação permanente (APP). O autuado foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA), junto ao órgão ambiental.