Um ciclista que não teve a idade e o nome divulgado, morreu na noite deste domingo, dia 1º de março, vítima de atropelamento na rodovia MS-289, no trecho que liga as cidades de Amambai e Coronel Sapucaia, dna região de fronteira com o Paraguai. O motorista que teria provocado o acidente, não prestou socorro e fugiu do local.

O ciclista não estava portando documento e o Corpo de Bombeiros apenas identificou que o corpo era de um homem. Segundo as informações dos militares, a vítima foi arrastada por cerca de 70 metros e teve o rosto e parte do corpo dilacerado.

A bicicleta do homem ficou completamente destruída no acidente. A Polícia Civil ainda encontrou alguns objetos como chinelo, um rádio de pilha, corote de cachaça, sal e arroz que haviam se espalhado pela rodovia após o acidente. Pedaços do veículo que teria atropelado o homem também foram encontrados na rodovia, segundo o site A Gazeta News.

Ainda de acordo com o site, o Corpo de Bombeiros foi acionado por uma mulher que passava no local e avistou o homem caído em meio a rodovia. Na chegada dos militares, foi atestado o óbito do ciclista.

A PMR (Polícia Rodoviária Estadual) e a Polícia Civil de Amambai estiveram atendendo a ocorrência e fazendo os levantamentos referente ao acidente. A polícia ainda tenta encontrar o suspeito que teria provocado o atropelamento.