Um proprietário rural foi autuado por infração e crime ambiental de desmatamento sem autorização ambiental de 3,5 hectares de vegetação de Mata Atlântica, bioma protegido, sem autorização do órgão ambiental, quando Policiais Militares Ambientais de Dourados, que trabalham na operação Icitiofauna, realizaram fiscalização ambiental em sua propriedade rural no município de Nova Alvorada do Sul ontem (29).

A madeira proveniente da área desmatada estava em leiras no local e ainda não havia sido explorada. As atividades foram interditadas. O infrator (57), residente em Dourados, foi autuado administrativamente e multado em R$ 20.000,00. O proprietário também responderá por crime ambiental. A pena é de um a três anos de detenção, agravada por ser área protegida. Ele foi notificado a apresentar plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental.