O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), ficou irritado e atacou jornalistas na manhã desta sexta-feira (20), quando respondia perguntas no Palácio da Alvorada. O chefe do Executivo não gostou das perguntas relacionadas ao seu filho, o senador Flávio Bolsonaro (sem partido), que é investigado pelo Ministério Público suspeito de comandar uma organização criminosa. O político mandou os jornalistas ficarem calados e comentou que um deles tem “cara de homossexual terrível”.

Perguntado sobre o filho, Bolsonaro preferiu não responder se o considera inocente. “Eu não sou juiz, eu não sou juiz. Não tem problema comigo. Se alguém desviar um real, é culpado”. Dezenas de apoiadores do presidente atrapalhavam as perguntas dos jornalistas e gritavam em favor do chefe do Executivo.

Um repórter do jornal O Globo perguntou ao político o que deveria acontecer com o senador caso ele tivesse cometido um crime. O presidente decidiu atacá-lo: “Você tem uma cara de homossexual terrível. Nem por isso eu te acuso de ser homossexual. Se bem que não é crime ser homossexual. Você fala ‘se’, ‘se’, ‘se’ o tempo todo”.

Segundo o presidente, o MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) tem realizado um “trabalho porco” e que a imprensa só estaria vendo um lado da investigação. Em outro ponto da entrevista, Bolsonaro não respondeu se tem algum comprovante do empréstimo de R$ 40 mil que teria feito a Fabrício Queiroz.

“Pergunta para a tua mãe o comprovante que ela deu pro teu pai, está certo? Querem comprovante de tudo”, disse o presidente ao repórter do jornal O Globo.

O presidente já ia embora, mas voltou e completou: “Você tem nota fiscal desse relógio que está contigo nesse teu braço? Não tem. Não tem. Você tem nota fiscal do seu sapato? Não tem. Você tem do seu carro, talvez nem tenha nota fiscal, mas tem o documento. Tudo tem que ter nota fiscal, comprovante?”, disse o presidente a outro repórter.

Nas redes sociais, as pessoas condenaram a atitude do presidente e comentam sobre apoiadores que aplaudiam o político.

https://twitter.com/i/status/1208065151737499654