Foi identificado como Rodolfo, de aproximadamente 50 anos, o motorista do ônibus morto em um acidente grave nesta quarta-feira (28) em Corumbá. O veículo transportava aproximadamente 40 passageiros bolivianos e a suspeita é de que a viagem era clandestina.

O ônibus com placas de São Paulo (SP) estaria seguindo para a capital paulista e saiu de Corumbá às 13 horas. No veículo estavam os passageiros de nacionalidade boliviana, sendo que alguns ficaram feridos com o acidente e foram socorridos.

Conforme o Diário Corumbaense, o motorista da carreta de 46 anos contou que fez a manobra para acessar a BR-262, saindo do trevo. Ele teria verificado que não havia outros veículos na pista e fez a conversão, mas foi atingido pelo ônibus.

Ainda segundo o caminhoneiro, o coletivo estava em alta velocidade. O ônibus atingiu uma caçamba da carreta e o motorista morreu no local, preso nas ferragens. Equipes do Corpo de Bombeiros desencarceraram a vítima e o trânsito precisou ser regulado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal).

A suspeita é de que o transporte dos bolivianos era feito clandestinamente, sem autorização da agência reguladora. Essas viagens acontecem frequentemente nesse trecho de Corumbá até São Paulo e leva bolivianos que não têm documentação para entrada no país.