Polícia Civil de Bataguassu, investiga o furto de 32 cabeças de gado da raça nelore de um sitio que fica a sete quilômetros da cidade. O rebanho está com a marca JMS.

À polícia, o proprietário, um idoso de 76 anos, contou que o local é trancado com cadeados, que foi serrado pelos ladrões, que arrancaram a porteira em seguida.

Para ele, os autores possivelmente usaram um caminhão para levar 15 vacas paridas e 17 bezerros. O palanque da porteira foi derrubado para que o veículo pudesse entrar na propriedade.

Não há câmeras de segurança, mas os bandidos fugiram deixando para trás além dos rastros do caminhão, a serrinha e uma blusa vermelha.