A Polícia Civil está investigando as circunstâncias da morte por afogamento no rio de Aquidauana.

De acordo com informações repassadas pela PCMS, no dia 24 de novembro, três moradores de Campo Grande realizavam pesca predatória proibida às margens do rio Aquidauana, no distrito de Piraputanga, quando foram vistos por policiais da Polícia Militar Ambiental. Ao serem flagrados, os suspeitos saltaram no rio a fim de fugir das autoridades. 

A partir desse momento, um dos três homens, de 54 anos, foi levado pela correnteza e desapareceu. Hoje, entretanto, o corpo dele foi encontrado o mesmo rio, com sinais de afogamento.