Na noite deste sábado (18), mulher de 50 anos moradora na Vila Antônio Vendas foi vítima de roubo e sequestro, em casa. Dois bandidos invadiram o local, renderam a família e levaram a mulher, exigindo R$ 50 mil para que ela fosse entregue à família mediante ameaças de morte.

Segundo as informações da polícia, a vítima estava com a filha e o marido em casa, quando os dois suspeitos entraram na garagem da residência, exigindo dinheiro e joias. Armados, eles faziam ameaças e, em determinado momento, um dos suspeitos viu um guarda de rua passar pelo local.

Assim, eles decidiram levar uma das vítimas como refém. A mulher de 50 anos foi levada no carro da família, um Audi, por um dos bandidos, enquanto o outro seguiu no carro em que eles tinham chegado ao local. A mulher foi vendada e levada até um cativeiro, de onde os bandidos ligaram para o marido dela.

Eles ameaçavam matar a vítima e exigiam R$ 50 mil para que ela fosse entregue com vida. A família disse que tinha R$ 18 mil e também um relógio Rolex. Com isso, foi feita negociação com os bandidos e o valor entregue a um suspeito no Bairro Tiradentes. Equipes do Batalhão de Choque, GOI (Grupo de Operações e Investigações) e Garras (Delegacia Especializada de Repressão à Roubo à Bancos Assaltos e Sequestros) foram acionadas.

Os policiais conseguiram localizar o carro da vítima e libertaram a mulher do cativeiro, localizado no Jardim Pacaembu, aos fundos do Itamaracá em Campo Grande.Os autores não foram localizados e o caso foi registrado na delegacia como roubo majorado pelo emprego de arma, pelo concurso de pessoas e extorsão mediante sequestro.