Waldeli dos Santos Rosa, que chegou a ser cotado como "Plano B" do MDB para disputar o governo de Mato Grosso do Sul em 2018, está entre as opções do partido para a sucessão do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) no ano que vem. O ex-prefeito de Costa Rica que nos dois últimos mandatos que teve sua atuação no comando da cidade destacada várias vezes no noticiário nacional, foi indagado se cogita ser candidato à cadeira de governador em 2022. Waldeli respondeu neste sábado ao Blog que, "caso o André [ex-governador] não seja candidato", está "pronto para disputar a indicação do partido".