No interior do Ceará, uma senhora surpreendeu a todos ao ser encontrada com vida e bem depois de sete dias perdida na mata.
Dona Rita de Cássia tem 72 anos e é mãe de 12 filhos que criou praticamente sozinha. Agricultora aposentada, ela se tornou uma das moradoras mais conhecidas de Alcântaras (CE). Uma história que começou no dia 16 de março, quando ela decidiu pegar a trilha na mata que leva até a mercearia mais próxima.
Sem comunicação e com dificuldade de caminhar, tinha início uma impressionante batalha de Rita pela vida. O pedreiro José Adriano foi quem a encontrou sete dias depois de ela ter desaparecido na mata.
Dona Rita ficou dois dias em observação no hospital. Uma semana depois do resgate, precisou ser internada de novo: estava com Covid. Esse foi mais um capítulo de superação na história dela. Foram 12 dias internada, mas sem precisar da ajuda de aparelhos para respirar nem de terapia intensiva.